Marcelo Henriques irá disputar o campeonato brasileiro da categoria em 2019

Após dois anos correndo na Fórmula Inter e vencendo o campeonato em ambas ocasiões em 2017 e 2018, o piloto mineiro dá um novo passo na carreira na direção dos carros de turismo. Consolidada como uma das categorias mais importantes do automobilismo nacional, a Sprint Race vai para seu oitavo ano. É considerada um degrau importante na carreira em direção à Stock Car e por lá já passaram nomes como Gaetano di Mauro, Guilherme Salas, João Rosate, entre outros que hoje estão na Stock Light ou na Stock Car.

A Sprint Race este ano terá seis rodadas duplas no Brasil e três também duplas nos Estados Unidos. Ao final do ano serão definidos o Campeão Brasileiro, somando somente as etapas brasileiras; Internacional, somando as etapas no exterior; e Overall, que soma ambas pontuações. Henriques dividirá o carro com Alex Seid, seu ex-adversário na Formula Inter e agora companheiro de equipe. Ambos vão participar das corridas nacionais na Sprint Race.

“O Alex [Seid] é um ótimo parceiro dentro e fora das pistas. Nos últimos dois anos sempre foi um adversário de respeito e quando surgiu a ideia de dividirmos um carro na Sprint, abracei na hora. A sinergia com ele sempre foi ótima, então acho que vai ser um ano bem legal para os dois tanto esportiva, quanto pessoalmente”, disse Henriques.

Apesar dos bons números conquistados na Formula Inter, com as 9 vitórias e 15 pole positions em 20 corridas, que lhe renderam dois títulos, Marcelo Henriques projeta uma temporada de “desafios, crescimento técnico e diversão” quando perguntado sobre as expectativas para esta temporada.

“A expectativa é de agarrar a oportunidade, crescer tecnicamente como piloto e fazer o melhor que eu conseguir dela. Sei que será um ano de muito aprendizado, o nível dos pilotos é altíssimo e pretendo sempre chegar o mais preparado possível para as corridas. Apesar de vir de uma fase boa na Formula Inter, o carro é outro e preciso começar do zero aqui, desbravando tudo, contra pilotos que admiro e que já conhecem bem este carro sensacional, há algum tempo. Vai ser divertido e desafiador”, disse o bicampeão.

A estréia da Sprint Race este ano será no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina, no domingo 24 de março. Durante 2019 as etapas continuarão sendo televisionadas para todo o Brasil dentro da programação dos canais BandSports e PlayTV, além da cobertura completa no Programa Acelerados no SBT e no YouTube, e do programa National Sports Channel (canal 26 e 18 da Vivo/São Paulo) e no Auto + às 10h no BandSports.

“Para a primeira corrida vamos tentar aproveitar ao máximo as horas de voo que conseguirmos antes da classificação, para aprender tudo o que pudermos sobre o carro, o mais rápido possível. É torcer para conseguirmos uma curva de aprendizado bem acentuada. Como sempre, focando não no resultado final, mas sim em evoluir sempre e dar o nosso 100%. O resultado é sempre consequência de uma série de fatores”, concluiu o piloto.