Adelvânio Francisco Morato (crédito - divulgação)

Qualificação e fortalecimento da rede hospitalar brasileira é uma das prioridades de Adelvânio Francisco Morato

Brasil, Goiânia – O presidente da Associação dos Hospitais do Estado de Goiás (AHEG), Adelvânio Francisco Morato, passa a assumir também a gestão da Federação Brasileira de Hospitais (FBH), uma das maiores representantes da rede de saúde privada do país que congrega 15 associações estaduais e mais de quatro mil estabelecimentos. O cirurgião urologista e Secretário Geral da entidade na última gestão foi eleito na quinta-feira (25), em chapa única, para presidir a federação no triênio 2019-2021.
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e especialista em Urologia pela Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, Morato também tem pós-graduação em Administração em Cooperativas Médicas e é sócio-proprietário do Instituto do Rim. Além de ter integrado a diretoria de importantes entidades do setor, como a Cooperativa Médica do Estado de Goiás (Comego) e a Associação Médica de Goiás (AMG), já foi homenageado pela Assembleia Legislativa de Goiás e pela Câmara Municipal de Goiânia.
Além de atuar no fortalecimento e união das associações em prol do hospital, o novo presidente se compromete a trabalhar estrategicamente para qualificar a rede hospitalar brasileira, dando atenção necessária aos estabelecimentos de pequeno e médio porte, que são a maioria por todo Brasil. A articulação política também será intensificada, por meio de encontros com os novos parlamentares eleitos e debates relacionados ao setor.
“Queremos todos os estados representados. Naquele aonde não existir uma associação, vamos fomentar a criação, e onde tiver alguma pendência, vamos tentar resolver. Também almejamos uma maior visibilidade e, com ela, um maior reconhecimento da importância da FBH junto às demais entidades que lutam pelo aprimoramento do setor saúde no país”, complementa Morato.
Com 50 anos de atuação em defesa dos interesses dos estabelecimentos de saúde do Brasil, a FBH protagonizou importantes frentes de atuação na última década, principalmente. Além da publicação de estudos inéditos, condução de debates importantes para o setor e resgate da Convenção Brasileira de Hospitais, a Federação criou um Departamento de Internacionalização, que culminou no retorno do órgão ao conselho da International Hospital Federation (IHF), entre outros avanços.