O FBI anunciou a abertura de uma investigação para esclarecer as circunstâncias da morte de Jeffrey Epstein.

O bilionário, acusado de abusar sexualmente de dezenas de garotas menores de idade, foi encontrado morto ontem em sua cela na prisão de Manhattan.

A defesa de Epstein afirmou que não confirma rumores sobre um suposto suicídio.