O autarca de Nova Iorque, Bill de Blasio, anunciou este sábado que as escolas públicas da cidade ficarão com as suas instalações fechadas até ao fim do ano letivo local, no final de junho.

De Blasio classificou a medida como “dolorosa”, mas “necessária para salvar vidas”, a fim de continuar a implementar o distanciamento social e derrotar a pandemia do coronavírus.

“Não é uma decisão fácil ou satisfatória para aqueles de nós que nos temos esforçado para conseguir a melhor educação possível para nossos filhos”, disse o autarca em conferência de imprensa.