Danilo Veloso

 

Por Danilo Veloso

Atualmente, realizar um intercâmbio já deixou de ser associado apenas ao aprendizado de uma língua estrangeira. Em meio a um novo perfil de intercambistas muito mais voltado à classe adulta, a vivência em um outro país vem sendo cada vez mais buscada por meio de programas que permitam a conciliação entre o estudo do idioma com oportunidades de trabalho locais. Por mais cansativa que possa parecer essa conciliação, optar por este modelo pode trazer vantagens enormes para o crescimento pessoal e profissional de cada um.

Em uma pesquisa conduzida pela Unleashe, 33% dos intercambistas desejam iniciar esta jornada visando uma experiência profissional em outro país, junto com 31% que esperam que este período aumente as chances de conseguirem um emprego melhor em seu país de origem. Seja qual for sua idade ou perfil, existem muitas opções capazes de atingir tais expectativas, com muitos outros benefícios acoplados para aqueles que se aventurarem. Veja os principais:

#1 Receber salário em uma moeda estrangeira: o real é uma das moedas que mais se desvaloriza. Em um cenário econômico nacional instável, iniciar um trabalho no exterior permitirá uma renda em uma moeda muito mais viável para ganhos financeiros. Ainda, em alguns países, como na Irlanda, os intercambistas podem recuperar rapidamente todo o dinheiro investido na viagem, uma vez que o país possui um dos maiores salários-mínimos da Europa.

#2 Jornadas de trabalho flexíveis: conciliar o estudo com o trabalho não é fácil. Mas, diversas regiões oferecem opções de jornadas flexíveis para os intercambistas, permitindo que tenham uma maior liberdade de escolher uma vaga alinhada a suas expectativas e necessidades. Dependendo da função, é possível encontrar escalas de 20 ou 40 horas semanais, podendo escolher aquela que esteja alinhada às normas do país e da escola.

#3 Valorização do currículo: seja qual for a área de atuação, uma experiência de estudo e trabalho no exterior traz um diferencial enorme para o currículo. Afinal, além de adquirir a fluência em um outro idioma, terá adquirido um conhecimento amplo em um novo segmento internacional. Caso volte ao Brasil, toda essa jornada elevará as chances de obter uma melhor posição com um salário maior. Ainda, mesmo que decida continuar no país visitado, são altas as chances de oportunidades que podem se abrir.

#4 Visto de trabalho: em diversos países, os intercambistas podem adquirir um visto de trabalho para residir na região em determinadas profissões, como chefe de cozinha, cuidador ou analista de marketing. Cada aplicação terá suas próprias regras, exigências e procedimentos — mas, todos podem ser conduzidos de maneira planejada e assertiva enquanto estiver estudando.

#5 Imersão cultural: estudar em um outro país, por si só, é uma vivência que trará uma imersão intensa na cultura local. Quando conciliado ainda com uma jornada de trabalho, esse aprofundamento é ainda maior — uma vez que o intercambista abrangerá seu aprendizado para além da sala de aula. Esse é o momento perfeito para criar e fortalecer os laços de amizade e, principalmente, a rede de networking, abrindo espaço para propostas e oportunidades futuras na área que desejar.

#6 Possibilidade de conhecer outros países: por mais importantes que sejam, nem só de estudo e trabalho vive o intercambista. Ao longo desta jornada, muitos aproveitam para investir o dinheiro guardado em viagens para outros países. Na Irlanda, como exemplo, se torna muito mais fácil concretizar este sonho, levando em consideração sua posição estratégica integrante da União Europeia, o que facilita conhecer outras regiões europeias. Ainda, muitas promoções e descontos são ofertados diariamente pelas companhias aéreas, oferecendo passagens por preços extremamente econômicos.

Optar por um intercâmbio de estudo e trabalho vem sendo o foco de cada vez mais pessoas ao redor do mundo. Ao invés de focar apenas no aprendizado de outra língua, este programa permite uma experiência muito mais completa e abrangente, com grandes oportunidades profissionais para todos os segmentos e lugares nos quais desejar morar.

Dentre os melhores destinos para realizar este programa, a Irlanda é considerada como um dos mais vantajosos e buscados, especialmente por brasileiros. Explicando todos os motivos que levam a esta tamanha procura, a SEDA College, eleita cinco vezes a melhor escola de idiomas de Dublin, irá realizar a terceira edição do SEDA XP, evento presencial que contará com a presença de ex-intercambistas e convidados surpresa contando suas experiências. Ainda, como incentivo aos participantes, dez bolsas integrais serão sorteadas para intercâmbio na Irlanda.

As vagas são limitadas e estão disponíveis no link a seguir: https://sedaxp.com/.

 

Serviço:

SEDA XP – 3ª Edição

Local: Teatro Gamaro – 1176 Rua Doutor Almeida Lima, Mooca, São Paulo.

Horário: 12h às 17h30

Ingresso: R$ 19,90

Link de inscrição: https://sedaxp.com/

 

Sobre o Grupo Educacional SEDA:

Fundado em 2009, o Grupo Educacional SEDA é uma holding composta por duas unidades de negócios: SEDA College (que inclui uma escola de idiomas eleita por três anos consecutivos como a melhor da Irlanda, além das marcas SEDA Intercâmbios e Skill Lab) e SEDA College Online (que inclui as marcas StarHire 365 e Pathway). A empresa se destaca pela forte atuação no mercado de educação para tecnologia e idiomas, dentro e fora do Brasil.